Pesquisar este blog

quarta-feira, 16 de setembro de 2020

ONDE O BLOG É LIDO: MACEDÔNIA (XXXIV)

Macedônia, cuja capital é Escópia (Shopje), situa-se na Europa e pertencia ao território da Iugolsávia; obteve sua independência em 1991; está limitada a noroeste com a Sérvia, a leste com a Bulgária, ao sul com a Grécia e a oeste com a Albânia, sem saída para o mar. Depois da II Guerra Mundial, foi proclamada a República Popular da Macedônia, pertencente à República Federal Popular da Iugoslávia. A nova República tornou-se uma das seis da federação iugoslava. Em 1991, houve a separação pacífica da Iugoslávia. A Macedônia passou muito tempo em guerra com a Grécia, mas depois de um acordo celebrado, a Macedônia passou a chamar-se Macedônia do Norte, porque tinha uma província grega com o nome de Macedônia. É uma república parlamentarista, cuja divisão administrativa comporta 85 municipalidades.

O parlamento é unicameral, denominado Sobranie, composto por 120 membros eleito pelo povo para mandato de quatro anos. O executivo é formado pela coalização de partidos; o Presidente, eleito a cada cinco anos, exerce função cerimonial, como chefe de Estado, cabendo a chefia do governo ao primeiro-ministro. O Judiciário é encabeçado pelo Supremo Tribunal e formado pelo Tribunal Constitucional e pelo Conselho Judicial Republicano. Todos os juízes são nomeados pelo parlamento.

Tem população de 2.042.484 e extensão territorial de 25.713 quilômetros quadrados. São cidades principais Escópia, Bitola (Macedônia) e Kumanovo. Os idiomas oficiais são o macedônio, albanês. A religião predominante é o cristianismo, 64,2%, seguido do islamismo, 28,4%.

Na economia, o pais exporta "produtos químicos e afins", seguido pelo setor de máquinas e equipamentos de transporte. O turismo representa significativa fonte de renda, dadas as atrações naturais e culturais do país. Em média, a Macedônia do Norte recebe, anualmente, em torno de 700 mil turistas.

A Macedônia lê nosso blog: www.antoniopessoacardoso.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário