Pesquisar este blog

sexta-feira, 7 de agosto de 2020

ONDE O BLOG É LIDO: ARGENTINA (IV)

Argentina, cuja capital é Buenos Aires, está localizada no sul da América do Sul e situa-se entre a cordilheira dos Andes, a oeste e o oceano Atlântico, a leste; faz fronteira com Paraguai, Bolívia e ao norte o Brasil; Uruguai a nordeste e o Chile a oeste e sul; tem população, dados de 2019, de 42.900.000, e área territorial de 2.791.810 quilômetros quadrados. É o segundo maior país da América do Sul e o terceiro em população. O atual presidente eleito, em dezembro/2019, é Alberto Fernández e a vice-presidente que deu apoio importante na eleição é Cristina Kirchner. Além de Buenos Aires, são cidades principais Córdoba, Rosário e Santa Fé. Argentina é uma república constitucional e uma democracia representativa; a Constituição regula os três poderes independentes e comporta uma divisão administrativa de 23 províncias e uma cidade autônoma, o Distrito Federal, Buenos Aires, que é dividida em 134 partidos, enquanto as outras províncias são divididas em 376 departamentos; os dois são subdivididos em municípios ou distritos. O povo segue a religião católica, no percentual de 92%.

O poder executivo é exercido pelo presidente e pelo Conselho de Ministros, sendo que o presidente e o vice são eleitos para mandatos de 4 anos; os ministros são nomeados pelo presidente. O poder Judiciário é independente e a Suprema Corte é constituída de sete membros nomeados pelo presidente, depois de consulta ao Senado. Os juízes são nomeados pelo Conselho da Magistratura da Nação Argentina, formada por representantes dos juízes, advogados, Congresso e o Executivo. O Legislativo é composto pelo Senado, com 72 membros e mandatos de seis anos, e a Câmara dos Deputados com 257, eleitos para quatro anos. O país comportou inúmeros golpes militares e o maior desastre do Exército argentino deu-se com a guerra das Malvinas, em 1982, que causou a morte de 600 mil jovens, fruto da irresponsabilidade dos governos militares da época, que não tinham a menor condição de expulsar a Inglaterra das ilhas Malvinas.

Na economia, a Argentina destaca-se pela produção de trigo, soja e sorgo, na pecuária, bovinos ovinos e caprinos. Nesses últimos anos o país passa por sérias dificuldades, na área econômica. 

Argentina lê nosso blog: www.antoniopessoacardoso.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário