sábado, 10 de agosto de 2019

TRIBUNAL SUSPENDE LICENÇA DE JUÍZA

O Tribunal de Contas da União suspendeu a licença remunerada da juíza Valdete Souto Severo, concedida pelo Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Sul. A magistrada foi beneficiada com licença remunerada para dedicar, em tempo integral, à presidência da Associação Juízes da Democracia. Acontece que a entidade é privada com fins políticos, segundo o relator,  tem-se dedicado mais a questionar decisões judiciais, principalmente quando ocorrem contra o PT, como a prisão de Lula que a Associação considera condenação sem provas. 

A decisão do Tribunal de Contas deu-se para atender a representação formulada pela Secretaria de Fiscalização de Pessoal, porque considerou irregular a liberação da magistrada para o exercício de atividade em associação privada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário