terça-feira, 13 de agosto de 2019

RECEITA FEDERAL DESMENTE CONSTRANGIMENTO

A Receita Federal assegurou que o ministro Bruno Dantas, do Tribunal de Contas da União, não está sob fiscalização do órgão. O ministro recebeu intimação da Receita para apresentar comprovação de despesas médicas realizadas em declaração anterior, no valor de R$ 13.2 mil. Em Nota, a Receita afirma que o pedido de informações não diz respeito ao processamento da declaração de Dantas, mas refere-se a apuração de pagamentos recebidos por um médio, que se encontra sob fiscalização da Receita. 

Mas, e daí, o ministro não é um contribuinte? Pode muito bem ter declarado sem ter comprovação como ocorre com qualquer contribuinte. Por que o melindre da Receita? É o “sabe com quem está falando"?

Nenhum comentário:

Postar um comentário